axilas-escuras

Axilas escuras é um problema comum e que sempre levanta dúvidas sobre suas causas, seus perigos e como tratar ou simplesmente prevenir seu aparecimento. Existem alguns fatores que podem fazer com que você tenha maior ou menor tendência ao desenvolvimento dessa patologia. Confira abaixo por que elas aparecem e como tratar as axilas escuras.

Quais as principais causas do aparecimento de axilas escuras?

A pele das axilas pode escurecer por fatores interligados. Os 7 principais fatores são:

  1. Atrito constante: a própria conformação anatômica determina um constante atrito entre a região superior e interior. A pele então, interpretando que está sendo constantemente agredida, inicia uma reação de defesa com proliferação das células de queratina das primeiras camadas, reação inflamatória leve, mas crônica, com afluxo de várias células típicas desse tipo de processo, incluindo os melanócitos, que são as células produtoras de melanina, especialmente nas pessoas mais morenas que têm maior quantidade desse pigmento. A pele se torna mais grossa e escura;
  2. Calor, umidade, transpiração, roupas sintéticas: favorecem o crescimento de fungos e bactéricas, que desencadeiam irritações, assaduras, ardor e coceira, aumentando ainda mais o estado inflamatório;
  3. Sobrepeso: quanto mais gordura subcutânea, maior a oclusão na região das dobras. O atrito aumenta, o calor e a umidade são maiores, os microrganismos proliferam com facilidade e a pele logo se ressente, num estado irritativo constante;
  4. Depilação traumática: se está havendo considerável agressão (devido ao atrito que pode gerar arrancamento de células superficiais da pele) pelo método escolhido para remover os pelos, o mecanismo de defesa natural entra em ação. Ceras e lâminas passadas sem creme podem irritar consideravelmente a ponto de deflagrar reações inflamatórias exuberantes que se cronificam. Nestas circunstâncias a axila frequentemente escurece com rapidez, adquirindo tom castanho avermelhado;
  5. Alergias: contato com desodorantes e tecidos aos quais a pessoa seja intolerante inciam o processo inflamatório-irritativo que culmina com o escurecimento, irritação, vermelhidão e ardor;
  6. Doenças: diabetes, desequilíbrios hormonais de ovários, tireoide e alterações do equilíbrio do organismo também podem acabar resultando em escurecimento da área;
  7. Etnias de cor negra e mulata: são propensas a escurecimento reacional em todas as áreas de dobras, assim como espessamento da pele e formação de pequenas verrugas à partir da idade adulta.

Como prevenir o aparecimento de axilas escuras?

No caso da depilação, cremes e sabonetes aplicados antes da lâmina, evitando ao máximo o atrito, e cremes calmantes pós-cera e pós-linha devem amenizar as chances de seu aparecimento. A alternância de métodos também pode ser benéfica. Os depiladores elétricos tanto os que seccionam a pele como os que arrancam são os que menos agridem, assim como a lâmina passada delicadamente com bastante creme ou sabonete para evitar atrito.

Outras medidas muito importantes são o uso de talco diário, que elimina o atrito, o uso de roupas confortáveis que não impeçam a evaporação do suor, o emagrecimento nos casos de sobrepeso ajudam muito.

Como clarear as axilas escuras? Quais os principais tratamentos?

Os tratamentos são à base de cremes calmantes que diminuem a reação inflamatória, inclusive corticoides bem suaves, especiais para dobras e de uso por tempo limitado. Afinadores das primeiras camadas que não agridam, como a ureia e os alfa hidroxiácidos por exemplo, antibióticos e antimicóticos em cremes ainda clareadores delicados.

É importante salientar que todos os tratamentos tem que evitar a qualquer custo mais reação irritativa, por isso não se usam peelings fortes que podem provocar defesa com mais escurecimento.

Bons cremes hidratantes contendo ativos regeneradores, calmantes, emolientes, lubrificantes, ajudam a manter a pele clara e livre de irritações.

hidratante-ehydra

Os desodorantes antitranspirantes não irritantes que diminuem a transpiração, a umidade local e o crescimento dos fungos e bactérias também favorecem o clareamento. Aliados ao talco são valorizados no tratamento.

Os lasers de depilação como Light Sheer e os de luz pulsada, com eliminação dos peles, são grandes soluções para que cesse a agressão constante da depilação, evitando assim o aparecimento das axilas escuras.

Gostou dessas dicas? Leia também a matéria Sudorese Excessiva ou Hiperidrose e saiba como controlar a transpiração excessiva, além de outras dicas úteis.


Para mais publicações como esta, curta nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as novidades do mundo da beleza e da saúde!

Escrito por Blog Ligia Kogos

Envie um comentário